Liberte-se da necessidade de agradar as pessoas!

“… Devemos obedecer a Deus preferivelmente aos homens” (Atos 5:29)

 Com frequência, nossos atos são ditados por uma necessidade equivocada de agradar as outras pessoas. Nós nos importamos tanto com o que elas pensam que todos os passos que damos, olhamos por cima do nosso ombro para ver se elas estão sorrindo ou franzindo a testa. Entenda algo: se você está sempre em busca de aprovação das pessoas, não está olhando por onde anda e por fim vai dar de cara com uma parede ou tropeçar nos seus próprios pés. A Bíblia diz: “… Devemos obedecer a Deus preferivelmente aos homens”. O que acha que acontecerá se você abrir a sua boca e se defender? A verdade é que as pessoas que não respeitam seus direitos e nem honram seus desejos não valem o seu tempo e esforço. Nem são dignas de uma conversa franca e prolongada; simplesmente diga adeus! (Não estamos falando do seu casamento nem dos seus filhos). Quando a terra ficou pequena demais para os rebanhos de Abraão e de Ló pastarem juntos, irrompeu a contenda. Abraão amava seu sobrinho Ló, mas ele percebeu que não podia mais viver naquela situação. Então ele disse: “… Separe-se de mim. Se você for para a esquerda, eu irei para a direita; ou, se você for para direita, eu irei para a esquerda” (Gênesis 13:9). Como terminou a história deles? Ló escolheu a melhor terra para pastagem próxima a Sodoma, e o resultado foi que tudo pelo qual ele trabalhou se transformou em fumaça. Mas Abraão, que sempre procurava agradar a Deus, acabou não apenas abençoado, mas sendo uma benção para as nações do mundo. Então a palavra para você hoje é: Deus quer libertar você da necessidade de agradar as pessoas.

*Extraído do Devocional A Palavra para Hoje. Todos os direitos reservados à Editora UCB Brasil. A UCB é parceira do site karinajornalista.com

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>