A importância do que você diz a si mesmo!

Imagem ilustrativa (freeimages)

Imagem ilustrativa (freeimages)

“Trago à minha memória o que pode me dar esperança.” (Lamentações 3:21)

Quando as nossas circunstâncias se deterioram, as coisas que dizemos a nós mesmos parecem muito com as palavras de Jeremias. Ele culpava a Deus por seus sintomas físicos, pela sua angústia emocional e pela sua sensação de estar preso em uma armadilha. Ele ficava relembrando os momentos que Deus falhou em responder às suas orações, e alimentava o seu medo de que ele tivesse sido escolhido para ser objetivo de humilhação pública: todos esses eram elementos clássicos da depressão. Não é de se admirar que Jeremias se sentisse impotente e sem esperança! Esse tipo de conversa interior inicia e intensifica o desespero e a depressão e alimenta o nosso panorama negativo. O momento de decisão acontece quando Jeremias mudou sua conversa consigo mesmo: “Trago à minha memória o que pode me trazer esperança”. Ele mudou o seu processo mental relembrando a bondade e misericórdia de Deus. “Por causa do grande amor do Senhor não somos consumidos… as Suas compaixões nunca falham. Elas se renovam a cada manhã; grande é a Tua fidelidade” (v.22-23). Quando você muda a sua mente – você muda o seu humor! Isso não acontece automaticamente; no momento em que se sente menos propenso a fazer isso, você precisa propositalmente mudar a sua maneira de pensar. Observe que as circunstâncias de Jeremias não melhoraram, mas o seu panorama sim. Uma corrente de pensamentos encorajadores disparou uma mudança na conversa interior – e a sua depressão desapareceu: “O Senhor é a minha porção”, diz a minha alma, “portanto tenho esperança Nele” (v.24). Isso mostra o quanto é importante o que você diz a si mesmo.

*Extraído do Devocional A Palavra para Hoje. Todos os direitos reservados à Editora UCB Brasil. A UCB é parceira do site karinajornalista.com

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>