Bom dia, Senhor!

“És a nossa estrela da manhã, Cordeiro Santo que nos trouxe a paz.
Em Tuas mãos está todo vencer, resposta a todo àquele que clamar…”

Por Karina Castilho

Acordar, espreguiçar, por uma fração de segundo sentir todo o seu corpo funcionar, abrir os olhos e dizer: Bom dia, Senhor!
Sair da cama, se arrumar, escovar os dentes, tomar um café. Esses movimentos são necessários quando saímos para o trabalho, para a escola, para um passeio e até mesmo para ficar em casa. Várias pessoas pensam que fazer isso todo dia é uma rotina, não tem mais graça, é pura obrigação. Mas nós podemos reinventar nossas manhãs glorificando a Deus pelo simples fato de estarmos respirando.

Você já teve essa experiência? É tão gostoso quando abrimos os olhos pela manhã e nossa primeira reação é dizer “oi” para Deus ou então cantar um louvor, mesmo em pensamento. O dia começa tão suave que podemos sentir a paz do Senhor em nós.
Quando ficamos cansados, saturados de nossas dificuldades, só existe um jeito de tudo ficar melhor: buscar ao Senhor. Palavras simples de agradecimento, demonstrações de amor também agradam a Jesus.

Na Bíblia, aprendemos em Salmos 90:12: “Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos coração sábio”. Em Provérbios 23:15, a Palavra do Senhor é tão íntima que desejamos ter Deus cada vez mais perto: “Filho meu, se o teu coração for sábio, alegrar-se-á o meu coração, sim, o meu próprio”. Isso é tremendo! Alegrar ao Senhor também é ser uma pessoa sábia.

Nossas atitudes estão ligadas com o coração. Em Mateus 12:34 somos orientados até na vigilância dos lábios: “…porque a boca fala do que está cheio o coração”.
Compartilhar com Deus nossa vida, não significa somente orar pedindo bençãos ou perdão, mas sim, deixá-lo fazer parte de nós, ser nosso amigo, nosso Pai. Dizer: bom dia Senhor ao levantar e boa noite ao deitar-se é uma verdadeira reverência ao dono das nossas vidas.

Como você tem se relacionado com Deus? Ele tem sido a primeira pessoa a receber o seu melhor? Busquemos ao Senhor para que nossas obras não sejam mortas e assim possamos ter o privilégio que Abraão teve e que está escrito em Tiago 2:23: “…E foi chamado amigo de Deus”. Amizade é relacionamento. Seja conhecido como amigo de Deus!

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>